Comando grep: o que é e quais são as suas funções?

O comando grep está entre os principais recursos das tantas distribuições Linux por ser uma solução perfeita para programadores mais experientes. Ao invés de procurar por milhares de linhas de código, basta utilizá-lo e encontrar um erro de digitação.

Mesmo sendo uma das ferramentas mais completas para os programadores, seja novato ou veterano, este recurso ainda é rodeado por dúvidas. Isso é consequência direta das tantas possibilidades que o grep proporciona ao usuário.

Hoje, a Linux Solutions explica o que é o comando grep e quais são as principais funções deste importante recurso em pequenos, médios e grandes projetos!

Como funciona o comando grep?

Assim como qualquer sintaxe, o comando grep deve ser escrito em um terminal. A partir disso, é possível aplicar padrões específicos de busca por parte do usuário em um arquivo de texto.

Ao deixar o comando rodar, você encontra palavras, padrões e linhas que vão em encontro com a regra criada por você.

Especialmente em projetos mais ambiciosos, o grep é frequentemente utilizado para encontrar erros sem a necessidade de caçar linhas quebradas em um projeto.

Qual é a sintaxe do grep?

A sintaxe do comando grep é: grep [opção] padrão [nome do arquivo ou diretório a ser vasculhado].

Para entender melhor, vale a pena destacar cada ponto deste comando. Como você viu, ele fica dividido em quatro etapas, sendo elas:

– Grep;

– [Opções];

– Padrão;

– [Nome do arquivo ou diretório].

O grep é a instrução do comando, enquanto o campo de opções serve para você destacar os modificadores disponíveis. O padrão diz respeito ao termo correspondente à pesquisa e, por fim, o [nome do arquivo/diretório] mostra o local a ser vasculhado.

A sintaxe grep — help também é útil por apresentar o manual completo e todas as opções disponíveis ao usuário.

Funções do comando grep

Pesquisa por palavra em arquivo

Uma das funções mais populares do comando grep é a pesquisa por uma palavra em específico. Para usar este recurso, basta acrescentar o termo a ser pesquisado e o local do arquivo ou diretório.

Por exemplo: grep [palavra a ser pesquisada] grep.

Pesquisa ignorando letras maiúsculas e minúsculas

É possível realizar pesquisas ignorando a diferença entre letras maiúsculas e minúsculas ao acrescentar a opção -i. Você repete a sintaxe, mas adiciona esta opção para não realizar discriminação de termos grep -i [palavra a ser pesquisada] grep.

Ao fim, você encontra todas as linhas destacadas que tenham o termo, independente se há letras maiúsculas ou minúsculas.

Pesquisa por uma palavra em diferentes arquivos

Com o comando grep você pesquisa uma única palavra em diferentes arquivos ao adicionar a opção -l, habilitando o acesso aos milhares de arquivos que você pode ter dentro do seu sistema operacional correspondente à pesquisa.

A sintaxe é bastante simples e basta acrescentar a opção, ficando desta forma:

grep -l [termo a ser pesquisa].

Vale destacar que há ainda outros recursos igualmente úteis. Entre alguns, vale destacar:

-c – mostra somente o número de linhas que combinam com a pesquisa;

-r – habilita pesquisa recursiva no diretório atual;

-v – exibe apenas os resultados que não combinam com a pesquisa.

Nuvem privada, Redução de gastos, Segurança da informação

selo_associada_assespro-rj

Copyright © 2000 - - Linux Solutions
Av. Presidente Vargas, 482 - Sala 326 - Centro Rio de Janeiro - RJ
(21) 2526-7262 - vendas@linuxsolutions.com.br

03.519.862/0001-13 - Linux Solutions Informatica

Agencia de Crescimento